andreamedia

Eduardo Tchao deixa a TV Globo

O jornalista Eduardo Tchao está de saída da TV Globo. O repórter, um dos mais conhecidos do Rio de Janeiro, foi dispensado pela emissora nesta terça-feira (4).

Em conversa com o Audiência Carioca, ele confirmou a informação: “Faz parte da vida. Bola pra frente. Partiu da emissora”, disse Tchao ao site. Ao todo, foram 37 anos nas Organizações Globo. Vinte e sete destes, na TV.

Em contrapartida, outros nomes estão na lista de dispensa e são conhecidos do público. Segundo informações da coluna de Fábia Oliveira, do Metrópoles, Flávia Januzzi e Monica Sanches também estão na lista.

+ EITA! Sonia Abrão detona Patrícia Poeta e pede volta de Fátima Bernardes

No último sábado (1), profissionais do jornalismo da TV Globo foram surpreendidos com um comunicado do Sindicato de Jornalistas do Município do Rio de Janeiro onde informava que demissões aconteceriam em abril e maio.

Procurada, a Globo enviou o seguinte comunicado: “A Globo, assim como as demais empresas de referência do mercado, tem um compromisso permanente com a busca de eficiência e evolução. Seus resultados refletem a boa performance do conjunto das suas operações e uma constante avaliação do cenário econômico do país e dos negócios. Como parte do processo de transformação pela qual vem passando nos últimos anos e alinhada à sua estratégia, a empresa mantém a disciplina de custos e investimentos em iniciativas importantes de crescimento”, informou.

Demissões na Globo a qualquer momento: clima de tensão e apreensão

O clima na Globo azedou de vez. Após o burburinho de que novas demissões aconteceriam em breve, o que era “disse me disse” virou realidade. Um e-mail enviado pelo sindicato de jornalistas do Rio de Janeiro deu o tom do que pode vir nos próximos dias.

O portal TV Pop, através do jornalista Gabriel Oliveira, publicou, em primeira mão, o e-mail enviado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Município do Rio de Janeiro aos funcionários da Globo. O aviso trouxe detalhes quentes de uma reunião entre o Recursos Humanos da Globo com a entidade e, claro, o texto gerou tensão e apreensão.

LEIA + Silvio Santos ganha especial histórico no SBT

O comunicado do sindicato foi enviado neste sábado, 1º de abril, aos profissionais da Globo. O conteúdo informa que cortes irão acontecer nas próximas semanas. Sobretudo, com o foco em cima dos chamados “altos salários”.

Contudo, o assunto é tratado com cautela na Globo. O canal da família Marinho prefere encarar o caso como readequação de mercado e desligamentos pontuais. Entretanto, as justificativas só criam mais incertezas e deixa o clima pesado entre seus profissionais.

SINDICATO REPUDIA A GLOBO

Como é de conhecimento da mídia, a Globo não costuma responder e abrir o jogo sobre assuntos internos. Tampouco deseja ser envolvida em pautas envolvendo um possível “passaralho”, embora, algo similar, em um passado nem tão distante das Organizações Globo, tenha ocorrido. A Rádio Globo e o Infoglobo viveram um clima parecido, há poucos anos. Na TV, geralmente, tudo é feito paulatinamente.

“O Sindicato esteve em 31/3 participando de uma reunião na TV Globo, por solicitação do RH da empresa, Edmundo Lopes. Na reunião, fomos informados que a empresa, embora sólida financeiramente, passa por um processo de ajuste e, em consequência, promoverá ‘demissões pontuais’ em abril e maio. Manifestamos nossa posição contrária a processos de demissão em massa e cobramos informações sobre a quantidade e o perfil dos profissionais que serão atingidos”, iniciou.

O sindicato se disse preocupado com a movimentação da Globo: “O representante da empresa afirmou que não se trata de demissões em massa e que os cortes atingirão os salários mais altos que, segundo ele, estão incompatíveis com o mercado. O Sindicato vê com extrema preocupação esse processo”, seguiu.

+ VITÓRIA! Cléber Machado bate a Globo com a final do Paulistão na Record: audiência

Em conclusão, a entidade que representa os jornalistas criticou a Globo, após a reunião: “… o Sindicato repudia veementemente a postura da direção da empresa que, mais uma vez, penaliza justamente aqueles que são seu principal patrimônio, os trabalhadores. Estamos à disposição dos trabalhadores para quaisquer ações, inclusive jurídicas”, finalizou o comunicado ao qual o TV Pop teve acesso.

MARÇO DE DEMISSÕES NA GLOBO

Recentemente, o esporte da Globo foi alvo de diversas dispensas: primeiramente, Sálvio Spínola, Sandro Meira Ricci, Fernanda ColomboJota Júnior e Cléber Machado não tiveram seus contratos renovados.

O colunista Renato Maurício Prado, ex-Globo, revelou que essas dispensas eram só o início de outras dispensas que aconteceriam. Dias depois, o comunicado do sindicato ilustra bem o atual momento vivido pela maior emissora do país.

FIQUE DE OLHO NAS REDES DO AC!

Siga-nos no YoutubeInstagramFacebook, Twitter e Google Notícias e fique ligado em nosso conteúdo.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem: Reprodução / TV Globo

Visits Code Obs Start: 2022-10-01 End: 2022-10-31