andreamedia

Apresentadora põe a Record na justiça, pede bolada milionária e diz ter sido perseguida

A jornalista Thalita Oliveira, recentemente demitida da Record, entrou com uma ação contra a emissora. A apresentadora, que passou pelo Fala Brasil, Domingo Espetacular e Tudo a Ver, pede uma indenização milionária e alega que foi perseguida em sua jornada, que durou quase 15 anos.

A informação é do portal Na Telinha, através do colunista Sandro Nascimento. Com exclusividade, a publicação conta detalhes e, surpreendentemente, revela a insatisfação de Thalita.

Segundo a reportagem, a apresentadora se sentiu “perseguida, humilhada e coagida“. Especialmente, após ser tirada do ar para que, na visão dela, solicitasse a demissão.

A ação revela uma acusação de assédio moral contra a jornalista imposta por sua chefia e que não foi respeitada no período em que esteve grávida e com problemas de saúde.

O pedido de ação indenizatória, conforme revelado pelo NT, é de R$ 2,5 milhões, aproximadamente. Agora, caberá a justiça analisar a ação e definir se a jornalista tem razão em suas reclamações.

O que você precisa saber, em resumo:
  • Primeiramente, a jornalista Thalita Oliveira está processando a Record.
  • A informação é do portal Na Telinha, através do colunista Sandro Nascimento;
  • A apresentadora informa à justiça que se sentiu “perseguida, humilhada e coagida”;
  • Em seguida, Thalita diz que teve problemas de saúde e durante sua gestação: acusação de assédio moral;
  • Por fim, o pedido de ação indenizatória, conforme revelado pelo NT, é de R$ 2,5 milhões, aproximadamente.
FIQUE DE OLHO NAS REDES DO AC!

Siga-nos no YoutubeInstagramFacebook, Twitter e Google Notícias. Fique ligado em nosso conteúdo.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA PRIMEIRAMENTE AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem: Reprodução / Record TV

Visits Code Obs Start: 2022-10-01 End: 2022-10-31