andreamedia

Luciano Huck deveria ser exemplo a apresentadores da Globo em crise

Na crise é que se cresce? Bom, às vezes o negócio afunda de vez. Mas sempre há possibilidade de virada. E um bom exemplo disso na Globo atende pelo nome de Luciano Huck.

Calejado e extremamente inteligente em sua longa experiência na TV, o apresentador sempre soube dar a volta para cima. Não foram poucas as vezes que Huck passou por isso. Um exemplo a ser seguido pela casa e por seus concorrentes.

Primeiramente, quando erra, Huck não tem a menor cerimônia de dizer que falhou. Abertamente, conversa com o público nas redes sociais e no palco. Apresenta uma transparência que conquista o telespectador.

Foi assim quando errou no episódio em que fez um comentário desnecessário sobre o emagrecimento de Marília Mendonça (1995-2021). “Não farei mais”, disse no Domingão. Em seguida, não repetiu o equívoco, desde novembro de 2021.

Mais que perceber o erro, o público fica muito incomodado quando alguém na TV banca o desentendido: por exemplo, finge que não errou e justifica as criticas a um delírio nas redes sociais.

Por isso, ao recalcular rota imediatamente, Luciano Huck aparenta seu lado humano e de proximidade com seu público, quando algum tipo de crise acontece envolvendo seu programa ou seu nome.

Não à toa, venceu as primeiras e intensas críticas de seu Domingão, lançado em setembro de 2021, e a rejeição, sofrida, inicialmente, ao substituir Faustão.

Em suma, Huck sabe jogar o jogo. Um exemplo a ir de encontro no mundo arenoso da TV.

DE VOLTA AO ENCONTRO

Em meio à crise do Encontro com Patrícia Poeta, um quadro está de volta: o Encontro com a Bola.

A jornalista Ana Thaís Matos segue no posto e retorna ao matutino para falar da primeira rodada do Brasileirão nesta segunda-feira (17).

“SUSANINHA” COM TUDO

Por falar em saber jogar o jogo, Susana Vieira está de volta. Em sua primeira novela pós-pandemia, a atriz será Cândida, proprietária de um bar na cidade Nova Primavera, cenário de Terra e Paixão.

Surpreendentemente, o detalhe é que Susana, que completará 81 anos em agosto, fará uma personagem de idade mais avançada que a sua.

“É uma aventura eu pegar a Cândida, uma mulher mais velha do que eu. É uma personagem profunda, bonita e dramática. Eu adoro fazer os outros rirem, mas também gosto muito de fazer um papel bonito de se fazer. Não costumo me inspirar em ninguém para os personagens”, disse ao Gshow.

Na dramaturgia, o último trabalho de Susana Vieira foi em Éramos Seis, na pele da ricaça e orgulhosa “Tia Emília”. Na pandemia, fez um quadro de conselheira no “Se Joga”. Um dos poucos bons momentos do finado [amém!] programa.

VALEU, CAZÉ!
Imagem: Instagram

Horas após narrar a vitória do Fluminense diante do América (3 a 0) pela Transamérica RJ, Bruno Cantarelli deu um pulinho nos estúdios da CazéTV para prestigiar a estreia do canal no Brasileirão – Atlhetico 2 x 0 Goiás, com narração de Luis Felipe Freitas, o Luisinho.

“Encontrei o homem. Que fo%$@ Casimiro. Muito obrigado pelas oportunidades”, agradeceu o narrador, que já fez jogos do Botafogo na plataforma, durante o Campeonato Carioca.

Além da Cazé e da Transamérica, Cantarelli vem narrando jogos na Prime Video.

ROSINHA NA ÁREA

O simpático e tradicional Jornal dos Sports produziu uma edição impressa especial com um guia do Brasileirão. O conteúdo foi entregue gratuitamente neste fim de semana, aos torcedores de Botafogo e Flamengo que compareceram no estádio Nilton Santos e Maracanã, respectivamente.

O trabalho jornalístico conta com análises, estatísticas e a tabela no melhor estilo “raiz”. Semana que vem, vascaínos e tricolores que forem ao estádio assistir presencialmente os jogos de seus times receberão a edição no Rio de Janeiro.

NOVO NARRADOR

Com a saída de Rembrandt Júnior da Globo Nordeste, em Recife, outra praça do grupo será impactada.

Denis Medeiros deixa Sistema Verdes Mares, em Fortaleza, rumo à capital pernambucana para a vaga de Rembrandt. Denis trabalhava na rádio e nas TVs do grupo, incluindo a TV Diário.

QUATRO TOQUES
  • Nesta quarta-feira (19), a Globo volta às transmissões da Libertadores. Mesmo na reta final do BBB, a emissora exibirá Flamengo x Ñublense (Rio e parte da rede) e Corinthians x Argentinos Jrs (SP e parte da rede);
  • Antes disso, em Travessia, segue o drama de Brisa (Lucy Alves), no melhor estilo Deusa (Adriana Lessa, em O Clone, 2002): deu a luz, mas não é a mãe biológica. Criativo, não?;
  • “Criativo (?!) 2: aliás, por falar em criatividade, as três novelas da Globo estão tratando o mesmo tema: filhos atrás de seus verdadeiros pais biológicos;
  • Na concorrência, Reis, a novela batizada de seriado, estreia mais uma temporada. Não perca as contas: a sexta etapa, chamada de A Conquista, começa na terça-feira, 17 de abril, após o Jornal da Record.

BOMBOU: Clara Moneke, a Katelícia, é o grande destaque de Vai na Fé. Apesar da barriga da trama, continua sendo a grande personagem da trama de Rosane Svartman. A virada de Clara, interpretada por Regiane Alves, é a próxima atração.

FLOPOU: É de conhecimento as insatisfações com o quadro Central do Apito. Entre acertar os equívocos e reajustá-lo, a Globo resolveu passar a tesoura e os narradores e comentaristas do Grupo Globo que se virem nos lances envolvendo o VAR. A decisão impacta na qualidade do que é entregue ao telespectador, gostem ou não dos antigos comentaristas.

FIQUE DE OLHO NAS REDES DO AC!

Siga-nos no YoutubeInstagramFacebook, Twitter e Google Notícias e fique ligado em nosso conteúdo.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA PRIMEIRAMENTE AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem [capa]: Reprodução / TV Globo

Visits Code Obs Start: 2022-10-01 End: 2022-10-31