FERJ fecha com empresa para negociar transmissão do Carioca sem falar com clubes, diz colunista

Faltando cinco meses do início do Campeonato Carioca 2023, os torcedores ainda não sabem como assistirão a competição. O que se sabe até aqui é que o contrato com a Record TV acabou e que a Sportsview, que administrou as duas últimas temporadas, não terá seu contato renovado, após a insatisfação de assinantes, da FERJ (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) e da própria Record, que chegou a emitir um comunicado público sobre a qualidade do conteúdo recebido.

Outra novidade também é que a Brax será a empresa responsável em negociar os próximos três anos do Carioca. A informação foi revelada em primeira mão pelo portal Notícias da TV, através do jornalista Gabriel Vaquer.

Entretanto, um detalhe revelado neste fim de semana chamou a atenção. Segundo informações do colunista Rodrigo Mattos, do UOL, a FERJ fechou com a Brax sem sequer conversar com os quatro grandes clubes da competição.

Vale lembrar que os clubes não são mais obrigados a vender seus jogos no mesmo pacote da federação. Desde a Lei do Mandante, aprovada pelo Congresso Nacional, em 2021, os clubes podem realizar novos contratos com a TV e o streaming, desde que sejam considerados anfitriões.

A nova legislação não prevê prejuízos para os contratos vigentes antes de 2021, ou seja, os acordos previamente realizados seguem mantidos. Caso os clubes desejem negociar acordos em lote, em comum acordo com uma federação, por exemplo, este movimento segue permitido. É o que o pode acontecer com o Carioca e a FERJ.

Em 2020, a FERJ e os clubes fecharam acordo com a Globo, com exceção do Flamengo, que desejava receber mais que todos os outros considerados “grandes”. Em 2021 e 2022, o rubro-negro fechou com todos os demais clubes e a federação com a Record, mesmo recebendo um valor bem menor, comparado ao oferecido pela Globo no ano anterior.,

FERJ ESCLARECE

O Audiência Carioca procurou a assessoria de imprensa da FERJ para comentar o caso divulgado pelo UOL.

“A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro autorizou a Brax Sports Assets a promover tratativas destinadas a prospecção e captação de recursos inerentes aos direitos de transmissão, propriedades de mídia, redes sociais, comerciais e de marketing referentes ao Campeonato Carioca de 2023, 24 e 25, de modo a apresentar valor minimo garantido por temporada. No momento certo e previamente marcado, os clubes debaterão coletivamente todas as questões de direito relacionadas ao Carioca”, contou.

TELEGRAM: RECEBA O CONTEÚDO DO AC EM TEMPO REAL!

INSCREVA-SE NO CANAL DO AUDIÊNCIA CARIOCA NO YOUTUBE!

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem [capa]: Reprodução

Advertisement